segunda-feira, 25 de agosto de 2008

HC126-Bem-Aventurança do crente


Letra: Emil Gustafson, 1889
Música: Melodia folclórica suéca
Tradução: Frida Vingren


1
Bem-aventurado o que confia
No Senhor, como fez Abraão;
Ele creu, ainda que não via,
E, assim, a fé não foi em vão.
E feliz quem segue, fielmente,
Nos caminhos santos do Senhor,
Na tribulação é paciente,
Esperando no seu Salvador.

2
Os heróis da Bíblia Sagrada,
Não fruíram logo seus troféus;
Mas levaram sempre a cruz pesada,
Para obter poder dos céus,
E depois, saíram pelo mundo,
Como mensageiros do Senhor,
Com coragem e amor profundo,
Proclamando Cristo, o Salvador.

3
Quem quiser de Deus ter a coroa,
Passará por mais tribulação;
Às alturas santas ninguém voa,
Sem as asas da humilhação;
O Senhor tem dado aos Seus queridos,
Parte do Seu glorioso ser;
Quem no coração for mais ferido,
Mais daquela glória há de ter.

4
Quando aqui as flores já fenecem,
As do céu começam a brilhar;
Quando as esperanças desvanecem,
O aflito crente vai orar;
Os mais belos hinos e poesias,
Foram escritos em tribulação,
E do céu, as lindas melodias,
Se ouviram, na escuridão.

5
Sim, confia tu, inteiramente;
Na imensa graça do Senhor;
Seja de ti longe o desalento
E confia no Seu santo amor.
Aleluia seja a divisa,
Do herói e todo o vencedor;
E do céu mais forte vem a brisa,
Que te leva ao seio do Senhor.




SÄLL ÄR DEN SOM HOPPAS ÜPPÅ HERREN

1.
Säll är den som hoppas uppå Herren
Med en barnslig tro som Abraham,
Ty han trodde, där allt hopp var fjärran,
Och han aldrig, aldrig kom på skam.
Säll är den, som med ett trofast hjärta
Vandrar stadigt uti Herrens bud.

2.
Bibelns hjältar sig ej fingo sola
Uti lycka, rikedom och prakt.
Nej, de fostrades i korsets skola
Till att känna himmelrikets makt.
Sedan kunde de beträda färden
Såsom Herrens trogna sändebud
Med en tro, som skakade på världen,
I en ödmjuk ande inför Gud,

3.
Den, som han till ära vill upphöja,
Måste grundligt förödmjukas först.
Den sig måste allra djupast böja,
Som uti hans rike skall bli störst.
Herren sina mest förtrogna vänner
Härliggjorde genom bitter nöd.
Den, som ljuvast Jesu kärlek känner,
Mest har smakat egna jagets död.

4.
Ty då varje jordisk fröjd försvinner,
Blomstrar hjärtats glädje uti Gud.
När förhoppningarnas gröda brinner,
Hjärtat slår de bästa böneljud.
I den ödesdigra natten mången
Skrivit känskans sköna poesi,
Och så innerligt ljöd morgonsången,
Då ett prövat hjärta slog däri.

5.
Ack, så hoppas, hoppas uppå Herren!
Frukta ej, du lilla, klena hjord!
Att förtvivla, vare det långt fjärran,
Lev i Gud och lita på hans ord!
Halleluja, varje prövning fortar,
Skyndar på en segerhjältes färd,
Tills han föres genom äreportar
In i ljusa änglars andevärld

SEGERTONER 1930



SALTÉRIO PENTECOSTAL 1931
(Note o detalhe no hino 120: MUS. SEGERT. 174.)



HISTÓRIA

Este hino tem a letra de Emil Gustafson e a melodia é uma canção folclórica suéca. No hinário SEGERTONER de 1930, número 174, consta o título SÄLL ÄR DEN SOM HOPPAS ÄN PÅ HERREN. No hinário "Psaltério Pentecostal", publicado por Gunnar Vingren em junho de 1931, para suprir a carência da Harpa Cristã, recebeu o número 120. Foi traduzido para o português pela irmã Frida Vingren. Vale a pena transcrever aqui o relato da esposa do Pastor Paulo Leivas Macalão, Zélia Brito Macalão, que encontramos na página 224 do livro "GUNAR VINGREN - O diário do Pioneiro", CPAD, 5ª Ed. 1993:

"Passados alguns anos, depois do estabelecimento da Igreja no Rio, a família Vingren, vai a Alagoas, apoiar o trabalho, que ali era recém iniciado e sua pequenina filha Gunvor, adoece e vem a falecer sendo o sepultamento impedido de se realizar, no cemitério da cidade, pelo padre local, que alegava, ser a criança ´pagã´. Além da dor da perda, mais este gesto de ingratidão de um povo ao qual devotavam sua vida, saúde e agora um pedaço de si mesmos - sua querida filhinha - que acabou sepultada, a uma longa distãncia da cidade - Vingren abatido pela enfermidade, fruto das inúmeras vezes que foi acometido da terrível malária, quando pastor em Belém e em suas viagens pela região norte, tranca-se no quarto em oração e lágrimas, quando começa a ouvir, mais uma vez dos lábios de sua querida esposa a mais recente tradução de um clássico evangélico - o hino 126 da Harpa Cristã - que nas estrofes finais diz:

Quando aqui as flores já fenecem,
as do céu começam a brilhar,
Quando as esperanças desvanecem
o aflito crente vai orar-

Os mais belos hinos e poesias
foram escritos em tribulação,
E do céu as lindas melodias,
se ouviram na escuridão.

Sim confia tu inteiramente
na imensa graça do Senhor,
seja de ti longe o desalento
e confia no Seu santo amor-

Aleluia seja a divisa do herói
e todo o vencedor,
e do céu mais forte vem a brisa
que te leva ao seio do Senhor!

Mais uma vez Vingren é assim confortado!"


FONTE:
1) GUNAR VINGREN - O diário do Pioneiro, CPAD, 5ª Ed. 1993, p. 224
2) CPAD
-.-
harpadigital@gmail.com

Um comentário:

NilmaBostonRio disse...

Remanscentes da familia Vingren na Suécia - com fotos.
http://www.addmarechalhermes.com.br/modules.php?name=News&file=article&sid=34

Frida Vingren como compositora
http://vieirademelo.googlepages.com/fridavingren

Contador

Pesquisa sobre os hinos mais cantados na sua igreja: